Terceirização

Nos jornais de grande circulação nenhuma notícia sobre a notificação enviada pelo Ministro do Supremo Celso de Mello que pede explicações sobre o projeto de lei 4.302 que libera a terceirização nas atividades-fim das empresas.
Desde que Sandro Mabel (PMDB/GO) propôs o projeto (PL4330) em 2004, aprovada parcialmente em abril de 2015, o empresariado vem fazendo pressão para a implementação total da terceirização como forma de reduzir os curtos da força de trabalho, ferindo de morte a CLT.
Ainda que o despacho feito por Celso de Mello pedindo esclarecimentos seja uma ação importante contra a rapidez no processo de aprovação do projeto, não podemos comemorar ou desarticular nossas lutas contra os incisivos ataques contra nosso direitos.

F.S

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s