Sala 19

O blog de História de Fabiana Scoleso

  • Calendário

    março 2012
    D S T Q Q S S
    « fev   abr »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031
  • Categorias

  • Twitter

  • Sala19 no Facebook

  • RSS Google News

    • "Álvaro Cunhal apoiaria a atual solução política" - Diário de Notícias - Lisboa
      Diário de Notícias - Lisboa"Álvaro Cunhal apoiaria a atual solução política"Diário de Notícias - LisboaAlbano Nunes, em entrevista ao DN, diz que o acordo com o PS é positivo para o povo. Acabou de vir de Cuba, onde assistiu às cerimónias fúnebres do antigo presidente. Fidel de Castro continua a inspirar o PCP? O que vi no grande comício, com mais […]
    • Número de mortos em incêndio durante festa na Califórnia pode chegar a 40 - Globo.com
      Globo.comNúmero de mortos em incêndio durante festa na Califórnia pode chegar a 40Globo.comAté 100 pessoas estavam em armazém transformado em coletivo de artistas. Mudanças na estrutura dificultaram fuga; vítimas tinham entre 20 e 30 anos. Número de mortos em incêndio durante festa na Califórnia pode chegar a 40. Facebook · Twitter ...Nove morrem e muitos se […]
    • Por que a conversa de Donald Trump com a presidente do Taiwan já gerou um conflito diplomático? - Globo.com
      Globo.comPor que a conversa de Donald Trump com a presidente do Taiwan já gerou um conflito diplomático?Globo.comTsai Ing-wen ligou para Trump parabenizando-o por ter vencido a eleição nos EUA, mas a conversa já gerou más impressões para o governo chinês, que não reconhece a independência da região. Facebook · Twitter ...Representantes de Trump negam planos […]
    • Referendo na Itália pode ser início do fim da zona do euro - Terra Brasil
      UOLReferendo na Itália pode ser início do fim da zona do euroTerra BrasilMercados financeiros aguardam com apreensão resultado da consulta popular sobre reforma constitucional italiana. Paira a ameaça de um voto de protesto que colocaria em risco a moeda comum europeia.Depois que os britânicos votaram pelo Brexit, ...“Já não entendo o mundo”: a Europa na era […]
  • RSS UOL Economia

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • RSS Último Segundo – iG

    • Com 30 milhões de pessoas ou trilha sonora própria: os maiores funerais do mundo
      iG São PauloO funeral do cubano Fidel Castro acontece neste domingo (4) e deve reunir milhares de admiradores e líderes políticos, incluindo Lula e DilmaMorto aos 90 anos na sexta-feira (25), o líder cubano, Fidel Castro, reuniu admiradores que devem fazer de seu funeral no próximo domingo (4) um dos maiores do mundo. Já confirmaram presença na cerimônia div […]
    • Concurso da Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 6 milhões na quarta-feira
      iG São PauloMesmo sem nenhum ganhador no prêmio principal, 25 sortudos levaram cada R$ 64 mil na quina, além de 3 mil apostadores que acertaram a quadra A aposta simples do concurso da Mega-Sena custa R$ 3,50 e pode ser feita em qualquer uma das 13 mil lotérica do PaísFoto: Rafael Neddermeyer/ Fotos PúblicasA Caixa Econômica Federal sorteou na noite deste sá […]
    • Segunda aplicação do Enem traz questões sobre dengue e Aquarela do Brasil
      iG São PauloAlunos tiveram 4 horas e 30 minutos para responder questões das áreas de humanas e suas tecnologias e ciências da natureza e suas tecnologias Candidatos participam da segunda aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 neste sábado Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil 03.12.2016O primeiro dia da segunda aplicação do Exame Nac […]
    • Porque conversa de Trump com presidente do Taiwan já gerou conflito diplomático
      BBCAtitude pode parecer corriqueira, mas quebra protocolo da política externa americana mantido desde 1979, quando os dois países romperam relações Equipe de Donald Trump disse que ele também ligou para parabenizar Tsai Ing-wen quando ela foi eleita em janeiroFoto: Facebook/ Donald Trump/ ReproduçãoDonald Trump ainda não assumiu seu posto na Casa Branca, mas […]
  • RSS UNICAMP

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • RSS BBC Brasil

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Mesopotâmia

Posted by sala19cmi em quarta-feira, 14 março 2012

A palavra mesopotâmia significa “terra entre dois rios”. Era compreendida pelos rios Tigre e Eufrates, basicamente onde hoje se encontra o Iraque. Também conhecida como Suméria, acredita-se que começou a ser povoada por volta de 10 000 a.C. Sistematicamente era dividida em Alta Mesopotâmia (montanhosa e menos fértil – a Assíria) ao norte e Baixa Mesopotâmia: a Caldéia, banhada pelas planícies aluvianas extremamente férteis. Ao contrário do que se observa no Egito, apesar da fertilidade da terra, as inundações de seus rios eram sempre muito irregulares e devastadoras, obrigando esse povo a desenvolver obras de irrigações bem mais sofisticadas e precoces. Essas obras foram os principais fatores de desenvolvimento cultural dessas civilizações. Nota-se também que pela localização geográfica e pela disponibilidade de água, essas terras eram constantemente invadidas por povos nômades hostis, utilizando grande parte da sua mão de obra no setor bélico de defesa.

Sumérios e Acádios (antes de 2 000 a.C.):

Originários do planalto do Irã foram os primeiros a criar as cidades-Estado na Baixa Mesopotâmia e em 2 850 já tinham uma política econômica baseada na religião. As terras eram dos Deuses e seus governantes (patesi ou ensi) eram representantes (ou interlocutores) dos deuses na terra. Veneravam os Deuses em grandes construções denominadas Zigurates os quais eram acessados apenas pelos governantes. Os sumérios se destacam também pela invenção da escrita cuneiforme (primeira forma de escrita conhecida) e pela grande rota comercial entre o vale do rio Indo e o Mediterrâneo.

As constantes guerras entre as cidades-Estado em busca da hegemonia as enfraqueciam, e em 2 500 a.C. (aproximadamente) houve a invasão de um povo semita, os Acádios, que se estabeleceram na região central da Mesopotâmia e fundaram a cidade de Acad. O Império nunca conseguira alcançar estabilidade política e se extinguiu por volta de 2 100 a.C. As principais cidades sumérias foram Ur, Uruk, Nipur, Quish, Nínive entre outras.

O Primeiro Império Babilônico (1 800 a 1 600 a.C.):

Os amoritas, também de origem semítica, destacaram-se entre os destruidores do império acadiano, mas apenas conseguiram se impor e dominá-la de norte a sul sob o rei Hamurabi (1 726 a 1 686 a.C.) e seu código de leis. Denominado de Código de Hamurabi, foi o primeiro código de leis que se tem registro e era baseado na Lei do Talião (olho por olho, dente por dente).

Pelo vínculo da religião com o poder foi erguido um enorme zigurate ao Deus Marduk que ficou conhecido como Torre de Babel (tentativa do homem de chegar ao céu). A morte de Hamurabi desestruturou o Império e depois de três séculos de lutas internas estabeleceu-se a hegemonia dos assírios. Os amoritas viviam do comércio e a centralização por Hamurabi fez da babilônia um grande centro comercial e urbano.

O Império Assírio (1 300 a 612 a.C.):

Seu estado era baseado no militarismo de ponta, crueldade e terrorismo. Sua expansão territorial visava a saída para o Mediterrâneo e para o Golfo Pérsico. Para isso chegou a conquistar a Mesopotâmia, a Síria, a Palestina e o Egito. Sua primeira capital ficava no norte da Mesopotâmia, em Assur, porém, Senaqueribe transfere sua capital para Nínive onde, posteriormente, montou-se uma grande biblioteca com um variado acervo cultural de toda a Mesopotâmia. Com a morte de Assurbanipal ocorre uma rebelião generalizada dos povos submetidos e em 612 a.C. o rei dos caldeus com a ajuda dos medos destrói Nínive e pôefim ao Império Assírio.

O Império Caldeu, Segundo Império Babilônico ou Neobabilônicos (612 a 539 a.C.):

Também de origem semita, fizeram a Babilônia novamente de capital, levando numeroso contingente de Hebreus como escravos depois da conquista do reino de Judah em 587 a.C. por Nabucodonosor. Conquistaram a Síria, Fenícia e Palestina e graças à quantidade de riquezas e mão de obra foi possível construir os Jardins Suspensos da Babilônia (ampliando a área agricultável). O Império foi destruído e conquistado pelos Persas em 539 a.C. sob Ciro I.

Aspectos econômicos e socioculturais da Mesopotâmia:

A economia baseou-se no modo de produção asiático marcado fortemente pela agricultura de regadio e servidão coletiva. A crença de que a terra pertencia aos Deuses gerou uma elite sacerdotal controlando as terras e as riquezas.

A estrutura social era semelhante à egípcia com o rei, a nobreza e os sacerdotes no topo, os militares e os altos funcionários da burocracia, mais embaixo seguido por uma camada de comerciantes e artesãos e por fim os camponeses e escravos (sempre prisioneiros de guerra).

Ao contrário do Egito autossuficiente em matéria prima sem especializações regionais, a mesopotâmia apresentou isso desde o início, sempre estimulando as produções artesanais como forma de troca e um rebuscado comércio com a precoce monetarização que data 3 400 a.C. (Templo Vermelho – Uruk). A urbanização era muito superior que no Egito.

Apresentavam um politeísmo ligado a elementos da natureza (animismo) sem crença em vida após a morte. A religião foi responsável também pelo desenvolvimento da astronomia e da astrologia com a observação da movimentação dos astros (principalmente os caldeus).

Os sumérios criaram a escrita silábica cuneiforme cuja decifração foi feita por H. C. Rawilson em 1 846.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: