A intriga SUS X Lula

Ficamos bastante surpresos quando historiadores e sociólogos caem na “pilha” dos jornais de 5ª categoria quanto ao tema “Lula deveria se tratar do SUS”. Não vi nada parecido ou similar acontecer quando o ex-vice-presidente José Alencar tratou seu câncer no mesmo hospital que Lula. Não vi nada parecido em outras ocasiões em que um político brasileiro fez uso do sistema de saúde particular para se tratar. As mazelas brasileiras (seja na saúde, na educação ou na habitação) não são frutos de um único governante. As análises superficiais realizadas por algumas pessoas só demonstram como são frágeis suas posições e sua compreensão acerca da história deste país. Embora eu considere que a Saúde Pública no Governo Lula tenha sido levada em “banho-maria” vejo também que é prontamente necessário se abordar alguns aspectos sobre a atuação do governo neste setor. Um deles se refere a revogação, em fevereiro de 2003, do Decreto 4.481 que alcunhou de hospitais filantrópicos e estratégicos o Hospital Albert Einstein, o Sírio Libanês, entre outros, preservando-lhes as isenções e deduções tributárias. Outros pontos importantes foram a ampliação do Programa de Saúde da Família, as Farmácias Populares e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).
Não estou aqui desconsiderando os outros fatos que colocaram em dúvida a idoneidade do sistema. Todos nós sabemos da história do ex-Ministro Palocci. Mas não dá para jogar nas costas do Lula a responsabilidade de um sistema falido desde o nascimento. Lula tem sim suas responsabilidades nos 8 anos em que governou o país. Assim como todos os outros que assumiram e pouco ou nada fizeram pela educação e saúde do povo brasileiro. Prova disto é a agudização dos problemas relacionados a estas duas áreas e a incapacidade da política de levar adiante projetos que realmente incorporem os interesses do povo brasileiro. Então o negócio é estudar para além porque ler para com os limites e interesses da mídia brasileira muitos fazem. Cabe a nós dar um passo adiante e procurar compreender a lógica imanente das misérias sociais. É necessário tomarmos cuidado com a cegueira que a mídia e alguns grupos políticos querem impor à sociedade brasileira.

Fabiana Scoleso – é Doutora em História Social pela PUC-SP e professora colaboradora da mesma Instituição.

Anúncios

2 comentários em “A intriga SUS X Lula

  1. Bom texto professora Fabiana. Concordo com sua argumentação e acrescento a minha de que tanto a “esquerda” quanto a “direita” fazem um jogo sujo de difamação, sem propostas concretas para o futuro próximo. O impasse fica cada vez maior em saber em quem se pode confiar, já que a corrupção cresce de ambos os lados. Só vejo alternativa na resposta que o povo, observando sua própria realidade, sem o véu da mídia, pode dar reagindo a tudo isso com postura serena e combatente. Ou seja, abrir os olhos já passou da hora no Brasil.

  2. Muito obrigada. Acredito que uma tarefa bastante árdua é, como você bem disse, descortinar o véu da mídia. Tirar essa cortina de fumaça que ofusca e impede que o povo possa chegar às suas próprias conclusões. O texto acima é apenas um exemplo disso. Vale dizer que formos invadidos por opiniões rasas e grosseiras feitas por pessoas sem qualquer condição e por uma mídia bastante interessada em produzir assuntos, principalmente intrigas. Sei que tal tentativa não é fácil, mas por intermédio de uma Educação com novos propósitos possamos construir junto a essa nova geração uma postura mais crítica. Procuro fazer isso nas minhas aulas e colhi frutos significativos nos últimos anos. Tenho alunos que entraram e outros que entrarão este ano da Universidade com posturas muito críticas. Espero que a difusão deste tipo de postura possa nos ajudar a construir um Brasil mais crítico e com possibilidade de verdadeiras transformações. Obrigada pela visita a este blog! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s