Sala 19

O blog de História de Fabiana Scoleso

  • Calendário

    abril 2009
    D S T Q Q S S
    « Mar   Mai »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    2627282930  
  • Categorias

  • Twitter

    • "A única finalidade da ciência é aliviar a miséria da existência humana". Bertolt Brecht 11 hours ago
    • "[...] achava mais fácil suportar as dores alheias que as próprias". Gabriel García Márquez 1 day ago
    • #AcordaSTF 1 day ago
  • Sala19 no Facebook

  • RSS Google News

    • China aprova lei que impõe restrições a ONG estrangeiras - Estado de Minas
      EXAME.comChina aprova lei que impõe restrições a ONG estrangeirasEstado de MinasO Parlamento chinês, controlado pelo Partido Comunista, adotou um projeto de lei controverso que impõe novas restrições às organizações não governamentais estrangeiras, preocupando instituições de cooperação e governos estrangeiros. A nova lei, que ...China recebe críticas por le […]
    • Criança de 2 anos mata mãe com tiro; EUA tiveram 77 casos do tipo neste ano - Globo.com
      Globo.comCriança de 2 anos mata mãe com tiro; EUA tiveram 77 casos do tipo neste anoGlobo.comArma disparada acidentalmente estava em carro de namorado da vítima; país registrou quase 300 casos semelhantes em 2015. Da BBC. Um menino de dois anos matou acidentalmente sua mãe nos Estados Unidos após encontrar uma arma no carro em ...Mãe é baleada pelo filho de […]
    • Ataques aéreos em hospital de cidade síria matam médicos e crianças - Terra Brasil
      Terra BrasilAtaques aéreos em hospital de cidade síria matam médicos e criançasTerra BrasilAtaques aéreos destruíram um hospital e mataram dezenas de pessoas em áreas dominadas por rebeldes na cidade síria de Aleppo, incluindo médicos e crianças, em ação que uma autoridade dos Estados Unidos disse parecer ter sido executada somente ...Exército sírio se prepa […]
    • Sessão para ouvir autores de denúncia contra Dilma dura 9 horas - Globo.com
      Globo.comSessão para ouvir autores de denúncia contra Dilma dura 9 horasGlobo.comA sessão da comissão especial do impeachment no Senado para ouvir os juristas Miguel Reale Júnior e Janaína Paschoal nesta quinta-feira (29) foi tumultuada, teve bate-boca entre os parlamentares, e terminou só na madrugada de sexta, após nove horas ...Não há elementos para impea […]
  • RSS UOL Economia

  • RSS Último Segundo – iG

    • TSE manda PT devolver R$ 7 milhões por irregularidades em 2010
      Agência BrasilSegundo o ministro Luiz Fux, partido usou recursos do Fundo Partidário para pagar empréstimos 'fictícios' no mensalão Apesar de cobrar devolução de R$ 7 milhões, ministro aprovou as contas do PTFoto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula - 19.4.16O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Luiz Fux decidiu nesta quinta-feira (28) que o […]
    • 'Áudio constrangedor' interrompe discussão em comissão do impeachment; assista
      iG São PauloFala do senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) foi interrompida por 'gemido' de mulher reproduzido por celular de assessor Senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) ficou nitidamente constrangido com áudioFoto: ReproduçãoO debate acerca do pedido de afastamento da presidente Dilma Rousseff na Comissão Especial do Impeachment no Senado teve um ep […]
    • Silas Malafaia abençoa Temer e pede "cuidado" na escolha de ministro da Educação
      Estadão ConteúdoPastor teme que escolhido pelo peemedebista em eventual governo defenda discussão de 'ideologia de gênero' em escolas Silas Malafaia teve encontro com Michel Temer no Palácio do JaburuFoto: Wilton Junior/AGE/Estadão Conteúdo - 8.10.14Em rápida visita a Temer no Palácio do Jaburu na quarta-feira (28) o pastor Silas Malafaia abençoou […]
    • Dilma pode anunciar reajuste do Bolsa Família no 1º de maio
      Estadão ConteúdoSegundo o Planalto, aumento deve ser de 5%; medida faz parte do Programa Nacional de Emergência, aprovado em fevereiro Com reajuste, Dilma quer sair na frente de Temer, que, se assumir, deve tomar medidas similaresFoto: Roberto Stuckert Filho/ PR - 22.04.16A presidente Dilma Rousseff quer aproveitar o Dia do Trabalho, 1º de Maio (domingo), pa […]
  • RSS UNICAMP

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • RSS BBC Brasil

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

AULA – A República chega ao Brasil

Posted by travelerthought em sexta-feira, 10 abril 2009

• 1889 – o Brasil passou pelo movimento que instaurou o regime republicano em substituição ao Reinado de Pedro II;
• Elites agrárias e exército: preocupados em instaurar um regime político que conduzisse o país à modernidade industrial;
• População: assistia as mudanças no governo sem compreender o que ocorria;
• A idéia principal: com a República superaríamos o atraso herdado da colonização;
• Ampliação das ferrovias, portos remodelados – ajudaram a inserir o Brasil no mercado internacional;
• Projeto republicano de modernização: europeização das cidades não eliminou as discrepâncias (diferenças) sociais;
• Modernidade e Exclusão: escravos recém-libertos, mulheres se direitos políticos
• O longo governo de D. Pedro II: (1840-1889) – havia uma relativa estabilidade política, proporcionada principalmente pelo desenvolvimento econômico trazido pelas vendas do café para o exterior;

Crescimento da Economia:
o primeiras ferrovias;
o Indústria de bens de consumo (tecidos);
o Aumento da população urbana;

QUESTÃO ESCRAVISTA
• Crise do regime monárquico: 1870 e se intensificou em 1880;
• Fim da escravidão no Brasil: 1888 – Lei Áurea;
• Trabalho Escravo: por 4 séculos acompanhou o desenvolvimento econômico do país; Contribuiu para a formação de grandes fortunas (aristocracia brasileira, traficantes, governos europeus);
• A extinção do trabalho escravo: só ocorreu no final do século XIX, quando todos os países da América já o haviam substituído pelo trabalho escravo;
• 1850: Lei Eusébio de Queiroz;
• 1860: muitos escravos foram libertos para atuar na Guerra do Paraguai (1864-1870);
• Oeste Paulista: os grandes cafeicultores resistiram em acabar com a escravidão;
• Joaquim Nabuco (1849-1910): Foi um dos mais importantes críticos da escravidão no Brasil, defensor da monarquia liberal.
• Abolição Lenta e Gradual – A Legislação Abolicionista:

o Lei Rio Branco (Lei do Ventre Livre) – 1871: declarava livres os filhos de mulher escrava nascido a partir daquela data;
o Lei Saraiva-Cotegipe (Lei dos Sexagenários) – 1885 – libertava os escravos com mais de 65 anos e estabelecia normas para uma abolição gradual mediante indenização;

• 1885: Campanha abolicionista tornou-se mais intensa;
• Associações e clubes: voltavam-se contra a escravidão – juntavam dinheiro para comprar cartas de alforrias;
• A fuga de escravos tornava-se cada vez mais freqüente;
• Ativistas – entre eles filhos de fazendeiros – organizavam grupos para ajudar os escravos a fugir das fazendas;
• Muitos negros fugidos foram para lugares seguros, como Santos – Formaram o quilombo do Jabaquara, que chegou a reunir cerca de 10 mil trabalhadores;
• 1840: primeiras experiências com o trabalho livre;
• 13 de maio de 1888 – a Princesa Isabel, que substituía o pai D. Pedro II no trono, assinou a Lei Áurea, abolindo a escravidão no Brasil;
• Os escravos depois da escravidão – as condições que os escravos adquiriram após a abolição depende de cada Estado;
• Grande parte continuou trabalhando para seus senhores;
• No Vale do Paraíba muitos escravos passaram a trabalhar no sistema de parcerias; tornaram-se pequenos sitiantes, tocadores de gado;
• São Paulo e Rio de Janeiro: receberam grandes contingentes de escravos libertos – sem qualificação profissional foram obrigados a aceitar os trabalhos mais pesados e mal remunerados;
• No Rio de Janeiro: muitos ex-escravos já trabalhavam com donos de oficinas artesanais e de manufaturas;
• A abolição não provocou o colapso da produção agrícola;
• Os cafeicultores se sentiam traídos pelo governo;
• Fazendeiros do Oeste Paulista já vinham empregando mão-de-obra imigrante em suas fazendas;
• Para eles o fim da monarquia era a oportunidade de assumir o comando da política brasileira;
• Sem os proprietários de escravos tradicionais, a monarquia perdeu uma importante força de sustentação política.

JEAN BAPTISTE DEBRET

figura7d

figura8d

figura11d1

figura10d

JOHANN MORITZ RUGENDAS

figura13d2

figura7jm

4 Respostas to “AULA – A República chega ao Brasil”

  1. Puxa!
    Não tenho professor de história e estou procurando
    aprender sobre a “República chega ao Brasil” e eu acho
    que achei.Estou tentando entender.
    valeu site bjo…..

  2. sala19cmi said

    Ok, Nathalier. Aqui estão apenas alguns aspectos sobre a temática. São pontos de reflexão que discutimos nas aulas do ensino médio. Sugiro o seguinte site:

    http://www.algosobre.com.br/historia/brasil-republica.html

    Obrigada pela mensagem.

  3. mto otimo esse site !!!!!

  4. sala19cmi said

    Muito obrigada! Valeu a visita!

Sorry, the comment form is closed at this time.

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 35 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: